Momentos

>> segunda-feira, 16 de março de 2009



A mais bela espera, na beleza em que te pões no horizonte do mar, do mar que te guarda no reflexo do brilho que deixas na lua, é a prisão que sinto no olhar...
Um momento que não defino, que sinto intenso dentro de mim...
Porque o essencial é invisível aos olhos e na impossibilidade de mostrar o que trago no coração, apenas solto o grito do silêncio arrepiante que entra na minha pele!
É na beleza das coisas simples que me prendo... no precioso tempo que ainda tenho para me sentar bem mais perto a cada dia, e prender-me nesse mar que guarda o reflexo da luz que ilumina o meu olhar...

4 folhas:

Eu 17 de março de 2009 às 00:12  

Tiras da sombra os dias, percorres com simples raios os rasgos das nuvens que se atravessam, iluminas a face que espalha o que sente por todos. Calor que fascina e prende na imensidão de ser um astro tão poderoso! E assim continuas a iluminar as manhãs que nascem tristes na tua ausência...

miau 17 de março de 2009 às 00:19  

Hoje olho este ritual da natureza, num toque diferente em mim... Porque as carruagens andam tão cheias, que nem sempre se consegue avistar pela janela a verdadeira beleza das coisas simples!
Momentos como este ficam, porque prendem em mais uma frase do capitulo da viagem, onde me mantenho presa e feliz.

Eu 17 de março de 2009 às 00:22  

São momentos sempre únicos, onde as mãos se tocam, onde os olhares se cruzam num silêncio que inunda os nossos ouvidos... momentos que não se esquecem nem se perdem,... momentos que têm toda a razão de existir!

Raul e Joel Carvalho 20 de março de 2009 às 19:51  

Há uma frase bastante conhecida e bem batida.

"Quem espera sempre alcança..."

Desculpem a frase ser um pouco fraca, mas foi o que conseguimos arranjar...

Abraços

http://do-nariz-a-boca.blogspot.com/

Seguidores

Comentários Soltos

Soltas...